Canapés de Salmão

As 5 espécies de salmão selvagem do Alasca variam em tamanho, cor, textura, sabor e características nutricionais, com certeza você nem conhecia!

Na culinária típica mexicana, os peixes são ideais pela sua versatilidade e sabor. Aprenda um pouco sobre esses produtos do mar em nossa cozinha.

A cozinha do nosso país é emblemática e única. Cheia de opções que refletem a grande diversidade de espécies e a riqueza natural que nos distingue, pois o México é banhado pelo Oceano Pacífico, Mar de Cortez, Golfo de México e Mar Caribe.

Poucas culturas desfrutam de uma variedade de ingredientes e de um legado culinário, como o nosso.

Há muitas ervas e especiarias para escolher como condimento. Existem muitas opções de frutas e vegetais para usar em saladas e para complementar o prato principal, e uma variedade impressionante de proteínas enriquece nossas receitas típicas da cozinha mexicana.

Mas quando falamos de ingredientes usados ​​em pratos requintados, a lista pode ser realmente incrível, porque nossa cozinha tem os melhores ingredientes Premium.

E, entre todos esses ingredientes, o peixe de nossas costas se destaca nas melhores receitas.

No México, existem mais de 300 espécies de peixes comestíveis, mas nem todas são usadas regularmente em nossas receitas típicas.

Em cada família mexicana, existem muitas receitas tradicionais que incorporam diferentes espécies de peixes e frutos do mar, das mais elaboradas às mais simples.

E o Salmão a pesar de ser gringo, ele chegou como imigrante a nossas cozinhas e hoje é um clássico favorito dos foodies do mundo todo. Você o encontrará em todos os tipos de pratos.

Na Região Gastronômica “Mar e Deserto” no Norte do país, você o encontrará em muitas preparações, obvio com Tequilas 100% de Agave Premium.

Por causa do anterior, hoje quero te falar de 5 Especies.

Salmão Real

também é conhecido como King ou Chinook, e é uma das maiores e mais nobres espécies de pescado do Alasca.

Nome científico: Oncorhynchus tschawytscha

Peso médio: 8-9 Kg

Escala de pesos comerciais: 2-18 Kg

Tabela Nutricional:

Porção de 100 g: Real (King)

Calorias: 250

Proteínas (g): 26

Gorduras (g): 13

Gorduras Saturadas (g): 3

Sódio (mg): 60

Colesterol HDL (mg): 85

Salmão Vermelho

também chamado de Sockeye, é de tamanho médio e mais fino do que as outras espécies.

Nome científico: Oncorhynchus nerka

Peso médio: 2,4 Kg

Escala de pesos comerciais: 1,8 – 4,5 Kg

Tabela Nutricional:

Porção de 100g: Vermelho (Sockeye)

Calorias: 220

Proteínas (g): 27

Gorduras (g): 11

Gorduras Saturadas (g): 2

Sódio (mg): 65

Colesterol HDL (mg): 85

Salmão Prateado

também chamado de Coho, é o salmão do Alasca mais semelhante ao Salmão Salar do Atlântico.

• Nome científico: Oncorhynchus kisutch

• Peso médio: 4,5 Kg

• Escala de pesos comerciais: 2 – 8 Kg

Tabela Nutricional:

Porção de 100g: Prateado (Coho)

Calorias: 140

Proteínas (g): 23

Gorduras (g): 4

Gorduras Saturadas (g): 1

Sódio (mg): 60

Colesterol HDL (mg): 55

Salmão Keta

também conhecido com Chum, possui um tamanho intermediário entre o Salmão Prateado e o Salmão Vermelho.

• Nome científico: Oncorhynchus keta

• Peso médio: 3,6 Kg

• Escala de pesos comerciais: 1 – 5,5 Kg

Tabela Nutricional:

Porção de 100g: Keta (Chum)

Calorias: 155

Proteínas (g): 25

Gorduras (g): 5

Gorduras Saturadas (g): 1

Sódio (mg): 65

Colesterol HDL (mg): 95

Salmão Rosa

também chamado de Pink, é a espécie de menor tamanho e a mais abundante no Alasca.

• Nome científico: Oncorhynchus gorbusha

• Peso médio: 1,5 Kg

• Escala de pesos comerciais: 0,9 – 2,7 Kg

Tabela Nutricional:

Porção de 100g: Rosa (Pink)

Calorias: 150

Proteínas (g): 37

Gorduras (g): 4

Gorduras Saturadas (g): 1

Sódio (mg): 85

Colesterol HDL (mg): 65

Agora, que você já conhece estas especies, te apresento uma receita super fácil de executar no conforto de sua cozinha e assim poder prestigiar a seus convidados na sua próxima visita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *